Categorias
política

8M -Mulher, Mujer, Woman, Femme

8M
Nem puta por transar, Nem mãe por dever, Nem presa por abortar Nem morta por lutar. Imagem retirada do Facebook

Tudo bem eu aceito sua rosa vermelha!

Traga junto com ela o respeito que eu mereço.

Minha mãe me ensinou a ter modos, então aceito o seu bombom, eu gosto de chocolate!

Pode me dar creme, perfume se quiser, é bom ser presenteada mas, quero que você traga junto o respeito. Eu sou mulher, sou humana também, nem superior e muito menos inferior a você.

Quero falar sem ser censurada, ou ter minha opinião menosprezada, quero andar nos coletivos sem ser encoxada, não quero mais ser julgada pelo corpo que tenho; não uso roupa pra te agradar nem estou na rua pra seu fetiche.

Vou escolher com quem quero ficar ou não, vou ter autonomia sobre o meu corpo e quando namorar se a história tiver fim, quero andar tranquila na rua sem risco de sofrer feminicídio do ex.

Eu vou transar com quem eu quiser,
não estou ferindo ninguém com isso e eu tenho que consentir dar pra você, se eu te der não sou vagabunda ou mulher vulgar. Sou mulher, livre, decidida e escolhi você. E me respeite se eu não quiser te dar! Não sou sua propriedade, Senhora de tal… Pfffff… Em pleno século XXI sou senhora de mim mesma, invoco Descartes “penso logo existo”, que ironia!

Não tente me impedir de voar, posso ser o que eu quiser. Sou fada, sou bruxa, sou mulher.

As Fênix da inquisição e da fábrica de Nova York ressurgiram nas feministas da contemporaneidade. Tentaram nos queimar mas memória não se incinera!

Por Astrovalda Junqueira

Ghost Writter, "Literateuta"
"Escrever para não enlouquecer, novo bálsamo à alma"

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s