Categorias
política

Quase homófonas (uma poesia dadaísta)

Weintraub Veneziana Abraham Jumentraub Balaustrada Ventilada Vergonha Esculhambada Já vai tarde, para onde o sol não bate Vai pro limbo, basculante Catar ostra no ostracismo Onde é o seu lugar.

Categorias
Sem categoria

Feat literário com Arp Sérgio.

Arquiteto das construções e das palavras Arp Sérgio, Sérgio arte! Respira, inspira e transpira arte. No cálculo preciso de seus projetos arquitetônicos. Também na métrica da sua poesia concreta. Uma tabulação que transforma palavras retangulares em curvilíneas, que literalmente movimentam o poema. Cheio de vida-1978 Um artista multifacetado e versátil, agente histórico e político do […]

Categorias
escreva na quarentena Sem categoria

Delírios e deleites

Sonhos doces e intranquilos. Desejos pares, formas que se confundem. Se unem e giram como caleidoscópio na minha cabeça. Dias e noites intermináveis. Seu sorriso que sobe no ar e enche o ambiente, como a fumaça do meu cigarro. Esperar é uma arte. 50 dias de prisão. Su Fo Car Ex. Pec. Ta. Ti. Vas. […]